LOUVEIRA: Fumhab inicia trabalho de investigação dos sorteados das Casas Populares

A Fundação Habitacional de LOUVEIRA (Fumhab) iniciou o trabalho de investigação dos sorteados do Conjunto Habitacional Popular IV, o Mirante Santo Antônio. Durante este período de investigação, incluem análise de informações do CIM (Cadastro de Interesse a Moradia), entrevista social, conferência individual, tanto através de dados como visita pessoal, entre outros métodos de conferência. Após esta detalhada análise, as divergências constatadas entre as informações prestadas pelos inscritos e os requisitos previstos para o sorteio, o contemplado será excluído da lista, sendo convocado o próximo colocado da fila de espera (suplente) a que pertence o contemplado excluído e assim por diante.

O sorteio foi realizado no sábado, 11 de novembro, e reuniu mais de 1 mil pessoas na Área de Lazer do Trabalhador de LOUVEIRA. A Fumhab havia comunicado, através das mídias oficiais da Prefeitura, que o sorteio não garantia a entrega das chaves e por isso mais 211 nomes foram sorteados para ocupar o grupo de suplentes, dentre eles, 20 do grupo de idosos, 20 do grupo de pessoas com deficiência e mais 171 para o grupo geral.

Mesmo com todos estes procedimentos, a FOLHA NOTÍCIAS recebeu inúmeras denúncias, entre sábado e segunda-feira, de que entre os sorteados haviam supostas famílias sem filhos, pessoas que já possuem casas e até um ganhador que mudou-se para a França. As denúncias foram repassadas às autoridades locais. A Fumhab reafirmou que todos os 191 sorteados passarão por ‘severa fiscalização’.

 

 

Autor: Julliano Gasparini

Compartilhe esta notícia no
468 ad