‘Circuito Indie Festival de Cinema’ começa nesta terça (9) no Sesc Jundiaí

Durante o mês de abril, a agenda de cinema do Sesc Jundiaí recebe uma seleção de filmes independentes produzidos em diferentes países, uma ótima oportunidade de conhecer mais do cinema contemporâneo mundial. O Indie Festival é um circuito que reúne cidades formando um espaço de exibição exclusivo para aproximar o cinema independente de novos públicos. A quinta edição do Circuito Indie Festival de Cinema (2019) reúne nove unidades do Sesc São Paulo – Araraquara, Campinas, Jundiaí, Piracicaba, Presidente Prudente, Ribeirão Preto, Rio Preto, Santos e Sorocaba – para exibir oito filmes, entre contemporâneos e clássicos, produzidos em seis países. A programação tem curadoria do INDIE, festival criado em 2001, em Belo Horizonte e que desde 2007 acontece também em São Paulo.

A programação apresenta dois diretores estreantes: o russo Kantemir Balagov com ‘Tesnota’ que ganhou o Prêmio FIPRESCI na mostra Um Certain Regard, em Cannes 2017, foi filmado em Nalchik, norte do Cáucaso, na Rússia, traz uma forte narrativa centrada em uma pequena comunidade judaica e na atuação da jovem atriz Darya Zhovner. Já a diretora polonesa Jagoda Szelc resolveu que sua estreia na direção seria com um suspense: ‘Torre. Um Dia Brilhante’. Com toques que remetem também ao cinema fantástico, a história de uma família polonesa, assombrada pelo passado e suas rupturas no presente.

Antes que tudo desapareça’ é um drama filosófico sobre alienígenas na Terra dirigido por um dos principais diretores japoneses contemporâneos, Kiyoshi Kurosawa. O filme traz em si uma mistura de gêneros como ficção científica, suspense e comédia, fez sua estreia no Festival de Cannes em 2017, na mostra Um Certain Regard. O amor, as relações e as desilusões são o tema de três filmes que serão exibidos no Circuito Indie Festival. A bela paisagem do Vale de Qadisha, ao norte do Líbano, é o cenário para Yara do diretor iraquiano Abbas Fahdel. Conhecido no Brasil por seu documentário ‘Homeland (Iraq Year Zero)’, Fahdel constrói aqui uma delicada história de um amor de verão. Já o amor em ‘Asako I & II’, do diretor japonês Ryusuke Hamaguchie, que participou da competição do Festival de Cannes em 2018, é duplo. A jovem Asako fica dividida entre Baku e Ryohei, idênticos fisicamente, mas totalmente opostos.

Completa a programação o clássico ‘Acossado’, primeiro longa do gênio Jean-Luc Godard, realizado em 1960, um dos marcos da Nouvelle Vague, com o amor bandido de Jean Seberg e Jean Belmondo.

 

___________________

CURSO DE CINEMA

 Em maio, o Sesc Jundiaí oferece o curso ‘Imagens Proibidas – História do Cinema e da Censura´, com Luis Carlos Pavan, produtor e pesquisador de Cinema. As inscrições podem ser feitas a partir de 19 de abril pelo e-mail cinema@jundiai.sescsp.org.br.

 O sonho, o jogo, os estados alterados de consciência e as variantes de comportamento e forma estão presentes na cultura humana desde os tempos da pré-história. Imagina-se que os homens contando histórias das suas aventuras e façanhas em caçadas em volta das fogueiras crepitando já estavam imaginariamente fazendo cinema. O cinema como conhecemos hoje somente vai se tornar realidade técnica no final do século XIX, mas antes disso homens já vigiam e punem os seus semelhantes. Como a censura vai atuar frente a essa nova linguagem/técnica/arte? Que mecanismos e regras vai seguir? Há rotas de fuga para que o cinema continue a sobreviver a ela dentro do tripé produção/distribuição/exibição? E no Brasil, como foi essa relação entre cinema e censura?

PROGRAMAÇÃO

 TORRE. UM DIA BRILHANTE

Dir.: Jagoda Szelc.

POL, 2017, 106 min.

É início de verão e Nina, a filha de Mula, está prestes a celebrar sua Primeira Comunhão e os parentes começam a chegar. Entre eles, Kaja, irmã de Mula e mãe biológica de Nina, que, permaneceu ausente nos últimos seis anos. A família acredita na reconciliação, mas, para Mula, Kaja retornou com a pretensão de levar a criança embora.

Dia 9. Terça, 18h | 14 anos

 

ASAKO I & II

Dir.: Ryusuke Hamaguchi.

JPN/FRA, 2018, 119 min.

Asako e Baku vivem um romance intenso e avassalador, porém, certo dia, o temperamental Baku desaparece. Dois anos mais tarde, depois de se mudar de Osaka para Tóquio, Asako encontra o duplo perfeito de Baku. Ryusuke Hamaguchi, que já havia atraído atenção em 2015, com um filme de mais de cinco horas intitulado Happy Hour, retorna com

esta obra, baseada em um livro da escritora Tomoka Shibasaki, para traçar a trajetória de um amor, ou, para ser exato, dois amores, encontrados, perdidos, deslocados e recuperados.

Dia 9. Terça, 20h | 12 anos

 

YARA

Dir.: Abbas Fahdel.

LIB/FRA/IRQ, 2018, 2010 min.

A jovem Yara mora com a avó em uma fazenda no Vale de Qadisha, ao norte do Líbano. A maioria dos antigos habitantes da vila já se mudou ou faleceu. Um dia, Yara conhece Elias, um jovem caminhante, meio perdido, que passa pela fazenda. Entre dias lindos e quentes, cuidando das cabras, alimentando as galinhas, lavando roupa, Yara descobre um amor de verão.

Dia 16. Terça, 18h | 12 anos

 

ANTES QUE TUDO DESAPAREÇA

Dir.: Kiyoshi Kurosawa.

JPN, 2017, 129 min.

Três alienígenas viajam para a Terra em uma missão de reconhecimento para preparar uma invasão em massa. Tendo tomado posse de corpos humanos, os visitantes roubam de seus hóspedes a essência do seu ser, o senso do bem e do mal, de propriedade, família e pertencimento. A essência psicológica e espiritual de toda a humanidade está em jogo.

Dia 16. Terça, 20h | 12 anos

 

TESNOTA

Dir.: Kantemir Balagov.

RUS, 2017, 118 min.

1998, Nalchik, norte do Cáucaso, na Rússia. Ilana tem 24 anos e trabalha na garagem de seu pai para ajudá-lo. Uma noite, sua família e amigos se reúnem para comemorar o noivado de seu irmão mais novo, David. Mais tarde naquela noite, o jovem casal é sequestrado e um pedido de resgate entregue. Nesta pequena e fechada comunidade judaica, envolver a polícia está fora de questão. Como a família conseguirá o dinheiro para salvar David?

Dia 23. Terça, 18h | 16 anos

 

ACOSSADO

Dir.: Jean-Luc Godard.

FRA, 1960, 90 min.

Michel Poiccard (Jean-Paul Belmondo) é um criminoso, obcecado por Humphrey Bogart, que rouba um carro, mata um policial e vai para Paris, onde conhece Patricia Franchini (Jean Seberg), uma linda garota americana que vende jornais na Champs-Élysées. Poiccard tenta persuadi-la a fugir com ele para a Itália, sem lhe contar que é um foragido da justiça.

Dia 23, Terça, 20h | 14 anos

 

CURSO

IMAGENS PROIBIDAS – HISTÓRIA DO CINEMA E DA CENSURA

Com Luis Carlos Pavan, produtor e pesquisador da História do Cinema.

 

De 9/5 a 6/6. Quintas e sextas, 19h às 22h (exceto dia 17/5)

Espaço de Tecnologias e Artes | 50 vagas | 16 anos | Grátis

Inscrições a partir de 19/abr pelo email cinema@jundiai.sescsp.org.br

 

O Sesc Jundiaí fica na Av. Antonio Frederico Ozanan, 6600. Informações: (11) 4583-4900.

Autor: Geraldo Maia 62

Compartilhe esta notícia no
468 ad