VINHEDO: Câmara adia sessão que votará relatório final da Comissão Processante do Prefeito para esta quinta-feira(8

A 76ª Sessão Ordinária realizada na segunda-feira (5), na Câmara Municipal de VINHEDO, foi marcada por dois adiamentos importantes para a cidade e a vida política do município. O primeiro adiamento, que foi definido antes mesmo de a sessão ter início, foi o da sessão extraordinária que apreciaria os relatórios finais da Comissão Processante que acata denúncia contra o prefeito Jaime Cruz e analisa a possível cassação. O vereador Carlos Florentino (PV), presidente da Comissão, explicou o porquê do adiamento. “Como o prefeito estava em viagem a Brasília não conseguimos intimá-lo, assim como o seu advogado, para comparecerem à sessão extraordinária que seria realizada na terça-feira, dia 6, para apreciação dos relatórios da Comissão Processante. Desse modo, nós da Comissão Processante, em comum acordo com os demais vereadores, decidimos adiar a sessão para quinta-feira, dia 08, às 14h”, explicou.

Ana também colocou um vídeo para reflexão nos dias atuais

EMENDADO
O segundo adiamento, pela segunda vez, foi do projeto de Lei nº 53/2018, encaminhado pela Prefeitura de VINHEDO, que autoriza a contratação de nova empresa concessionária de transporte coletivo na cidade. Devido ao número muito grande de emendas e necessidades de novas alterações, os vereadores retiraram todas as matérias para melhor análise do projeto. Vale lembrar que na sessão passada, com base no artigo 139 do Regimento Interno, o projeto precisou ser retirado de pauta para ser votado no futuro junto às emendas apresentada ainda no dia. Na verdade, o projeto apresentava duas emendas substitutivas, quatro emendas aditivas e duas emendas modificativas. O que motivou a retirada de pauta da 76ª sessão foi o caráter conflitante das emendas, daí a retirada, não só das emendas, mas do projeto como um todo para que seja melhor avaliado pelos edis.

CAÇADOR
Inconformado com os adiamentos, principalmente o da sessão extraordinária que votará os relatórios finais da Comissão Processante, o vereador Rodrigo Paixão (REDE) explicou, a seu modo, a sessão que apreciará os relatórios finais da Comissão. “Vamos votar se a Câmara cassa ou não cassa o prefeito, porque qualquer explicação fora disso é manobra metalingüística (explicar o código da fala com a própria fala). A Comissão Processante estará colocando para os demais vereadores um parecer favorável à cassação ou o contrário, não há meio termo. A Câmara está exercendo uma de suas funções mais raras, a julgadora”, afirmou Paixão.

TROCA TROCA
A vereadora Ana Genezini (MDB) voltou a comentar sobre a hipótese de troca de prédios entre as EM Dom Mathias e Franco Montoro. “Quando me manifestei sobre o tema no passado, sem conhecimento de causa, acabei cometendo alguns equívocos. Agradeço a toda equipe da Secretaria de Educação porque, logo na sequência do meu manifesto nessa tribuna fui procurada por eles para esclarecer a situação. De fato a equipe estava fazendo estudos para verificar essa possibilidade de mudança, a fim de atender mais alunos no ano que vem. Hoje me contaram sobre uma reunião que tiveram, na qual ficaram impressionados com o resultado dos estudos, e então decidiram para, por enquanto, manter as escolas como estão. Os profissionais de cada unidade se ajudarão, a fim de melhor receber os alunos”.

Nil agradeceu a todos que participaram da noite de homenagens realizada pela Câmara

HOMENAGEADOS PELA CÂMARA
O presidente da Câmara, vereador Nil Ramos (PSDB), destacou a importância das sessões solenes que homenageiam os vinhedenses. “Nesses eventos homenageamos todas as pessoas que de alguma forma contribuíram para o desenvolvimento de nossa cidade, e isso é muito importante. Mais uma vez a solenidade ocorreu como esperado, e agradeço aos homenageados e a todos os funcionários dessa Casa que atuaram na cerimônia por isso”, parabenizou.

BUSTIME
Devido à, Sandro Rebecca (PDT) destacou a importância da 3ª Sessão Solene da Câmara, realizada na semana passada e contou sobre o trabalho desenvolvido por um de seus homenageados. “Eu considero as sessões solenes como uma importante ferramenta para homenagear e incentivar pessoas que tanto contribuem para o desenvolvimento de nossa VINHEDO e da sociedade como um todo. Uma das pessoas que homenageei, o jovem Gabriel, é um ex-aluno meu que fez um projeto de acordo com uma necessidade. Seu aplicativo de celular, o Bustime -‘Hora do Ônibus’ (fala-se ‘bãstaime’), informa os horários corretos dos ônibus, itinerários etc. Iniciativas como essa devem ser reconhecidas”, destacou.

TOQUE AZUL
A campanha Novembro Azul, de conscientização quanto a necessidade de realização de exame preventivo ao câncer de próstata, foi destaque de Paulinho Palmeira (PV). “Temos que difundir essa campanha, que conscientiza o homem quanto a importância de fazer exames de próstata. O homem tende a ser mais teimoso que a mulher, portanto é de extrema importância difundir essa campanha”. E pediu que o prefeito Jaime Cruz possa realmente ouvir mais a população. E também se mostrou preocupado com a onda de furtos que ocorre no Centro cidade, conforme noticiado pela FOLHA NOTÍCIAS.

Sandro apresentou o Bustime, aplicativo feito por jovem vinhedense

PLANO DIRETOR
Já o vereador Edu Gelmi (MDB) alertou sobre a necessidade de se trabalhar com cuidado na elaboração do novo Plano Diretor municipal. “VINHEDO precisa de alguns ajustes, para que as pessoas não fiquem na clandestinidade. Isso não é resolvido por uma lei comum, mas sim pelo Plano Diretor. É preciso debater bem a elaboração desse projeto, intervir com emendas, promover adaptações para que tenhamos um bom Plano Diretor. Mas cabe à Câmara a palavra final sobre o Plano”. Quanto ao projeto da Concessão de Transporte Público para VINHEDO, Edu Gelmi entende que é preciso ouvir a população. “Acredito que dentro de duas semanas no máximo nós estaremos votando esse projeto”, avalia.

FAIXAS
Sempre fazendo a defesa do prefeito Jaime Cruz, Geraldinho Cangussú (PV) apresentou algumas indicações. “Próximo ao Posto Montana ocorrem muitos acidentes, portanto, atendendo pedidos da população, pedi à Secretaria de Transportes o recuo da faixa de pedestre, na Avenida Pinheiros. O pedido foi prontamente atendido, e, com a faixa recuada, os pedestres atravessam atrás dos veículos, cujos motoristas agora podem se atentar aos cruzamentos”. O edil do Partido Verde também elogiou a cessão de títulos honoríficos por parte da Câmara Municipal de VINHEDO.

Autor: Geraldo Maia 62

Compartilhe esta notícia no
468 ad