VINHEDO: Município passa por vistoria do Serviço Geológico do Brasil para mapeamento das áreas de risco

A Defesa Civil de VINHEDO, órgão ligado à Secretaria de Transportes e Defesa Social da Prefeitura, recebeu no município o CPRM – Serviço Geológico do Brasil – para vistoriar os pontos de risco geológico para mapeamento de setorização. A visita ocorreu no último dia 23 de maio. VINHEDO tem em seu inventário 34 áreas de risco, sendo 17 de alagamentos e 17 de deslizamentos, já que considera monitorar os riscos ‘baixo’, ‘médio’, ‘alto’ e ‘muito alto’. Para os órgãos especializados, apenas os riscos ‘alto’, e ‘muito alto’ são monitorados e no caso de VINHEDO, essas áreas se resumem a 7.

SETORIZAÇÃO DE RISCO GEOLÓGICO

O CPRM – Serviço Geológico do Brasil – integra o Programa Nacional de Gestão de Riscos e Resposta a Desastres do Governo Federal (PPA 2012-2015), tendo como atribuição mapear áreas de risco geológico, classificadas como de ‘muito alto’ e ‘alto’, relacionadas principalmente com movimentos de massa e inundações, em 821 municípios brasileiros prioritários. As informações levantadas pela CPRM são disponibilizadas para o Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais – Cemaden (MCTI), a fim de subsidiar a emissão de avisos e alertas meteorológicos; e para o Centro Nacional de Gerenciamento de Riscos e Desastres – Cenad (MI), para a emissão de alertas às Defesas Civis estaduais e municipais, visando ações de prevenção e resposta frente aos desastres naturais. A setorização de riscos geológicos tem por finalidade a identificação, a delimitação e a caracterização de áreas ou setores de uma encosta ou planície de inundação sujeitas à ocorrência de processos destrutivos de movimentos de massa, enchentes de alta energia e inundações. Todo o acervo de dados é disponibilizado para órgãos e instituições do Governo Federal, de estados e de municípios que atuam na prevenção e no monitoramento de eventos climáticos catastróficos, visando contribuir para a redução dos danos e para a diminuição das perdas, de vidas e materiais, relacionadas aos desastres naturais.

Autor: Julliano Gasparini

Compartilhe esta notícia no
468 ad