LOUVEIRA: Conseg apresenta novo delegado e faz pesquisa para avaliar Segurança no município

Na semana passada o Conseg (Conselho Comunitário de Segurança) de LOUVEIRA, realizou mais um reunião mensal.

Estiveram presentes, on line, membros de vários bairros da cidade, dos Conselheiros e das lideranças de Segurança Pública, incluindo o novo Delegado de Polícia, Dr. Roberto Souza Camargo Jr. Contou ainda com a participação do Comandante da Guarda Municipal (GM), José Capaci, bem como a presença do prefeito Estanislau Steck.

O presidente Dimas Bessornia e os membros do Conseg elogiaram o trabalho desenvolvido pelo Delegado Dr. Tiago Oliveira que foi transferido para Jundiaí, bem como deu-se boas vindas ao novo delegado de LOUVEIRA, desejando a ambos sucesso em suas novas atribuições.

O delegado Dr Roberto agradeceu as boas vindas e já se colocou a disposição da população, enfatizando que fará um trabalho severo na questão dos flagrantes. “A nossa equipe da Delegacia não dará ‘folga’ nos flagrantes e haverá prisões. Bandidos não terão vez em LOUVEIRA”, afirmou o novo delegado Dr Roberto.

Seguindo a agenda pré-estabelecida foi dado ênfase na continuidade de implantação do projeto do Plano Municipal de Segurança Pública e Defesa Social, com o objetivo de maior interação entre todos os órgãos de Segurança Pública bem como a ampliação de suas atividades incluindo o desenvolvimento de ações sociais, garantia da cidadania e a construção da paz social, servindo de base para a obtenção de verbas estaduais e federais para o município.

Outro item de igual importância apresentado foi o combate à violência doméstica contra as mulheres e vulneráveis, incluindo nesta categoria as crianças, idosos e pessoas com necessidades especiais. Como a maior desses crimes são cometidos no âmbito doméstico e é exigida, na maioria das vezes, a presença da vítima para a lavratura de um Boletim de Ocorrência. As denúncias começaram a cair durante a pandemia, muito em função das medidas que exigem o distanciamento social e a maior permanência em casa, tanto da vítima quanto do agressor. Porém existe a evidência que alguns casos de agressão, que são atendidos na Santa Casa, por diversos motivos, não estão sendo devidamente reportados à Polícia.

Destacou-se ainda a importância do Questionário de Avaliação da Segurança Pública e do próprio Conseg, que está circulando nas mídias sociais. “Solicitamos que um maior número de louveirenses preencha este questionário, contribuindo com sua avaliação e suas ideias para que, cada vez mais tenhamos, talvez, uma alteração no curso das ações e a segurança e paz almejadas por todos, sejam mais rapidamente alcançadas. Pedimos que todos reflitam sobre esse assunto, participando com solidariedade e não ser indiferente quanto às atividades que estão sendo desenvolvidas na Segurança Pública, não esperando passivamente que os maus feitos prevaleçam sobre os bons. Não é porque os números oficiais concluam que a cidade seja uma das mais seguras da região, que nada de novo deva ser feito e que não precisamos da comunidade unida, trabalhando na prevenção”, concluiu o presidente do Conseg LOUVEIRA, J. Dimas Bessornia.

E-mail para contatos com o Conseg: conseglouveirasp@gamil.com

(Da Redação FOLHANOTICIAS)

Author: Geraldo Maia 62

Share This Post On
468 ad