LOUVEIRA: Vacinação antirrábica alcança 97% da população de cães e gatos e recebe elogios na Câmara

O trabalho dos servidores da Secretaria de Saúde de LOUVEIRA, em especial os participantes da campanha de vacinação antirrábica, foi reconhecido pela Câmara de LOUVEIRA na sessão ordinária da última terça-feira (2), com a aprovação unânime de Moção de Congratulação e Aplausos. A autora da proposta, vereadora Priscilla Finamore (PRB) destacou a grande adesão dos proprietários de animais, totalizado mais de 6.200 animais vacinados, uma previsão de 97% da população de cães e gatos existentes no município. Os dados apresentados pela Secretaria de Saúde mostram que foram montados 25 postos fixos de vacinação, além do trabalho de casa a casa nos bairros rurais. Uma equipe composta por 38 pessoas, coordenada pela veterinária Cláudia Maria Matheus Perez, conseguiu imunizar mais de 6.200 animais entre os dias 25 de agosto e 6 de setembro. “Desse total, foram aproximadamente 4.900 cachorros e 1.300 gatos, superando a meta prevista de 80% da população animal. LOUVEIRA alcançou 97%”, comentou Priscilla.

A raiva é uma polioencefalite viral grave, ou seja, uma doença provocada por um vírus altamente contagioso, podendo ser transmitido por morcegos, gambás e macacos, que contaminam cachorros, gatos e seres humanos por meio de um ferimento ou troca de secreções (mordidas, arranhões ou mesmo contato com secreções ou excrementos). A vacinação antirrábica é de vital importância para evitar o contágio, principalmente em animais que vivem em áreas com muito animais silvestres. No ser humano, a raiva é bastante agressiva e é fatal em quase a totalidade dos casos. A Moção foi endereçada aos funcionários que trabalharam direta ou indiretamente na ação, à coordenadora Cláudia, ao diretor de Departamento Cesar Kiniti Konta e ao secretário de Saúde, José Carlos Belussi. Os vereadores Laercio Neris (PTB), Helinho (PTB), Caetano (PTB), Rodrigão (PSD), Marquinhos do Leite (PTB), Nilson Cruz (PSD) e Leandro Lourençon (PSDB) também se manifestaram em apoio à homenagem.

468 ad