VALINHOS: Agência transfusional da Santa Casa de Valinhos é bem avaliada

Santa-Casa1-0381_cred reproduçãoA agência transfusional da Santa Casa de Valinhos foi avaliada na sexta-feira, 17, por profissionais do Ministério da Saúde e do Hemocentro da Unicamp. As biólogas, Ana Brasília e Rosana Cássia Oliveira estiveram na cidade para fazer uma análise do processo transfusional e propor melhorias.  Foram quatro horas de análise de documentos e protocolos de diversos departamentos envolvidos com a agência, como a farmácia,compras higiene, SESMT, manutenção, engenharia clínica, qualidade e o controle de infecção hospitalar, entre outros, as biólogas chegaram a conclusão de que a agência transfusional da Santa Casa de Valinhos é uma das mais bem conceituadas e pode vir a ser uma referência, uma agência modelo na região.

A agência transfusional da Santa Casa valinhense realiza em média 157 transfusões de hemocomponentes por mês, apenas de pacientes internados em sua unidade. Em média mantém em estoque cerca de 24 bolsas de sangue, o que segundo a biomédica Lucimara Oliveira Harbs, gestora da equipe da agência transfusional da Santa Casa de Valinhos,  é pouco. “Precisamos de mais doações. Quem quiser doar sangue deve procurar o Hemocentro da Unicamp ou os hospitais da PUCC e Mário Gatti, em Campinas. Em Valinhos, o Rotary Club realiza mensalmente em sua sede uma campanha de doação de sangue. Nos próximos meses teremos as seguintes datas:  19/7, 23/8, 20/9, 18/10, 22/11, 13/12/2016, das 9h às 12h”,  informa a biomédica.

468 ad