VALINHOS: Prefeitura de Valinhos consegue na Justiça garantia para integração no transporte intermunicipal

img_6886Empresa está proibida de cobrar tarifa adicional e deverá abrir a porta traseira do ônibus para passageiros embarcarem na Rodoviária

Prefeitura de VALINHOS consegue liminar contra a empresa Rápido Luxo, restabelecendo o pagamento de tarifa única para o transporte intermunicipal entre as cidades de VALINHOS, VINHEDO e Campinas. A liminar foi acatada pela juíza da 1ª vara da Comarca de VALINHOS, Bianca Vasconcelos Coatti e foi publicada na terça-feira, 6 de dezembro.

A Rápido Luxo tentou impedir que a Sancetur assumisse o transporte coletivo do município, entrando com vários recursos na Justiça. A antiga concessionária, desde o início da operação da nova empresa de transporte coletivo da cidade impediu o ingresso dos usuários pela porta traseira, conforme estabelece o Convênio 10/12, obrigando o pagamento de uma nova tarifa aos passageiros que se dirigiam às cidades vizinhas

Com a decisão, a Rápido Luxo está proibida de cobrar tarifa adicional dos passageiros e deverá, no prazo de 24 horas, a contar da intimação, abrir a porta traseira do ônibus para que os passageiros com destino a Campinas e VINHEDO embarquem sem a necessidade de pagar uma nova tarifa.  No caso de descumprimento, será aplicada uma multa diária de R$ 10 mil.

468 ad