VINHEDO: Após discussão, Câmara libera viagem do prefeito para Portugal

Nil Ramos

A 55ª sessão ordinária realizada ontem, segunda-feira (7),  na Câmara Municipal de VINHEDO, teve uma longa discussão entre os vereadores sobre o Projeto de Decreto Legislativo nº 9/2018, de autoria dos vereadores Nil Ramos (PSDB), Edu Gelmi (MDB) e Carlos Florentino (PV) que autoriza o prefeito Jaime Cruz a se ausentar do cargo no período de 13 a 20 de maio, em missão de representação no ‘V Seminário Técnico da Ersara’ (Entidade Reguladora dos Serviços de Água e Resíduos dos Açores) 2018, na cidade da Horta, ilha do Faial, em Portugal. O objetivo do seminário é promover o debate e intercâmbio de conhecimentos e experiências relacionadas a soluções à aplicação da regulação dos serviços de águas e resíduos. Durante o período em que prefeito ficará fora da cidade o comando do Executivo será de responsabilidade da vice-prefeita e secretária de Cultura e Turismo, Claudinéia Vendemiatti Serafim.

‘INDIRETO’
O mais intransigente contra a liberação do prefeito para viajar foi o vereador Rodrigo Paixão, que questionou o fato de o prefeito alegar que a viagem é custeada pela ARES-PCJ, Agência Reguladora dos serviços de Saneamento das Bacias dos rios Piracicaba, Capivari e Jundiaí, e assim não existir custos para a Prefeitura de VINHEDO, mas todo mês a Prefeitura, segundo ele, envia uma determinada quantia que varia a cada mês, e dessa forma existindo um financiamento ‘indireto’ por parte de VINHEDO. “O que justifica a ida do prefeito para esse Seminário? Só como ouvinte? Vai levar algum projeto da administração? Quais projetos poderão ser aplicados na cidade? Me contaram que essa ida é para justificar a privatização da Sanebavi. Isso é real? Depois de gastar milhões e milhões com essa empresa? E o prefeito precisa trazer algo concreto para justificar a sua viagem perante a população. No momento a cidade perdeu o seu certificado de Município Verde Azul por causa da incompetência da política pública de VINHEDO para com o meio ambiente”, acusou Rodrigo Paixão. Mas admitiu votar a favor para ver o que o prefeito Jaime Cruz vai trazer desse Seminário. “Tem muita coisa a favor do projeto e muita coisa contra, como já expus, mas devo votar a favor, vou ver como votam os meus colegas”, questionou Paixão..

NÃO CONFIA
O também o oposicionista Sandro Rebeca que, junto com seu colega do PDT, Edson PC, foram os únicos a votar contra, entendeu que faltou planejamento. “Esse projeto entrou na Câmara no dia 3 de maio, como se trata de um evento técnico deveria ter chegado com mais tempo para o prefeito criar um projeto para apresentar no seminário. Se o seminário é técnico, quem deveria ir é a equipe técnica da Prefeitura e não o prefeito. Portanto, não tem o meu voto de confiança, voto contrário então, mas libero a bancada para votar como quiser”, flexibilizou Rebecca. O seu colega de partido, Edson PC, resumiu dizendo que fez uma enquete nas ruas e a maioria votou contra a viagem, e que por isso votou contra. O vereador Edu Gelmi (MDB) disse que votaria a favor para ver como será o relatório que o prefeito Jaime Cruz vai trazer de Portugal. Da mesma forma pensa o vereador Rubens Nunes (MDB) que votou a favor para ver qual relatório o prefeito Jaime Cruz vai trazer de benefícios para a cidade de VINHEDO.

Marcos Ferraz

KALU VIAJOU SEM AUTORIZAÇÃO
Já o vereador Marcos Ferraz afirmou que respeita cada vereador: “Mas estamos aqui apenas votando a autorização para o prefeito Jaime Cruz viajar, e as custas da viagem é do Consórcio ARES-PCJ, e não de VINHEDO, afinal, outros prefeitos da região vão viajar do mesmo modo. A cidade tem vice-prefeita para substituir o prefeito em viagens. E ele não estará recebendo no período de viagem. Qual o ônus então para o município? Que se faça um bom proveito desse Seminário. Mas VINHEDO já teve um ex prefeito ‘fujão’ que saiu de férias sem autorização da Câmara, e quando a Justiça autorizou o vice assumir, que era eu, o tal prefeito (na época, Kalu Donato) voltou correndo e só deixou o vice um dia apenas em seu lugar. A cidade toda conhece esse fato de fuga lamentável”, lembra Ferraz.

VIAGEM LIBERADA
Depois de tanto debate, finalmente o projeto foi colocado em votação, e, com a ausência justificada da vereadora Ana Genezini (MDB), foi aprovado por 10 votos a favor e apenas dois contra.

LANÇAMENTO DE REVISTA
No Espaço dos Representantes, o Sindicato dos Químicos de VINHEDO, através de um dos integrantes de sua direção colegiada, Gerson José do Nascimento, convidou a todos os presentes para o lançamento de uma revista no dia 11 de maio, na sede do Sindicato, A revista irá mostrar o quanto a empresa Unilever prejudica os trabalhadores de VINHEDO e de todo o Brasil. A multinacional Unilever tem se mostrado indecente no seu trato com os trabalhadores brasileiros a quem explora há 89 anos. E a revista vai mostrar detalhes dessa história de exploração dos nossos trabalhadores por parte da Unilever”, assegurou.

MÃES ESPECIAIS
Também houve protesto, mais uma vez, das mães por causa da falta de cuidadores para os alunos com necessidades especiais, o que vem se arrastando por muito tempo sem que as autoridades tomem uma providência capaz de resolver essa situação constrangedora, tanto para as mães como para os dirigentes.

PROJETOS
No mais foram aprovados dois projetos, um de Lei, de autoria do presidente vereador Nil Ramos(PSDB), que dispõe sobre a denominação ao prédio público situado na Rua do Café nº 255 – Vila Garces de ‘Unidade Básica de Saúde – USB Dr. José Osmar Meirelles dos Santos’. O outro projeto, de Decreto Legislativo, de autoria do vereador Marcio Melle (PNN) que dispõe sobre a concessão do Diploma de Mérito ‘Dr. Manoel Matheus Netto’ à ilustre senhora Elisângela Maria Thezolin da Silva.

MOÇÕES
Um Requerimento foi apresentado e aprovado, assim como duas moções, uma de apelo para que o prefeito Jaime Cruz viabilize a regularização do solo em diversos trechos irregulares da pista de caminhada existente no entorno da Praça do Aquário. E uma moção de aplausos, também de autoria do vereador Marcio Melle à Equipe de Ginástica Artística da prefeitura de VINHEDO pela brilhante participação na Liga Intermunicipal de Ginástica, evento realizado dia 21 e 22 de abril no Centro Cívico da cidade de Americana. Moção extensiva ao Secretário Municipal de Esportes, Adriano de Souza, à equipe técnica, formada por Fábio Pereira Cruz e Caio Melo, e a todos os atletas e demais pessoas envolvidas no evento.

MAIO AMARELO
No mais, a observação do vereador Sandro Rebecca para o Maio Amarelo em torno dos acidentes no trânsito, que ainda causa um número elevado de mortes. Rebecca também fez um apelo ao prefeito para que abra o diálogo da Prefeitura de VINHEDO com o Sindicato dos Servidores Públicos em torno da negociação salarial.

QUEDA DO HELICÓPTERO
E o acidente com o helicóptero ocorrido em VINHEDO durante um casamento com a noiva escapando ilesa junto com outras três pessoas, e mesm assim o asamento foi celebrado com os convidados presentes, em um misto de pavor e esperança pelo milagre ocorrido, foi abordado pelos vereadores Sandro Rebecca e Edu Gelmi, moradores próximos ao local do acidente, que graças a Deus teve apenas perdas materiais, e segundo os edis, o espaço que foi criado para a realização de eventos não estava cuidando de modo adequado do meio ambiente em torno.

Paulinho Palmeira

ADÉLIO SARRO
Paulinho Palmeira (PV) comentou sobra a visita do artista Adélio Sarro à Câmara, nessa segunda-feira. “Adélio Sarro dispensa apresentações, é um artista internacional que escolheu nossa cidade para instalar seu museu, cujo projeto de trabalhos que lá serão realizados nos foi apresentado hoje”.
A vice-prefeita Claudinéia Vendemiatti foi parabenizada pelo presidente da Câmara, vereador Nil Ramos (PSDB), pela revitalização do Memorial dos Imigrantes. “Realmente o Memorial estava precisando passar por uma boa reforma, e a revitalização agradou a todos. Parabenizo a vice-prefeita, que está à frente da Secretaria de Cultura E Turismo, o pessoal do Lions, que promoveu a reforma, e todos os envolvidos”.

BEM-ESTAR ANIMAL
A vereadora Flávia Bitar (PDT) comentou sobre seu projeto de incluir a matéria de bem-estar animal nas escolas, e falou sobre a divulgação de sua ideia no Parlamento Metropolitano. “Agora tive a oportunidade de divulgar esse projeto para as cidades que compõe o Parlamento Metropolitano, o que é muito importante. Aqui em VINHEDO a matéria já começou a ser tratada nas escolas, e no futuro se tornará uma matéria fixa no currículo escolar”, comemorou.

FURTOS AO PATRIMÔNIO
Por sua vez o vereador Edu Gelmi (MDB) questionou o grande número de furtos ao patrimônio municipal. “Temos cerca de um furto ao patrimônio por semana, o que é uma estatística muito ruim. A maioria desses furtos são em escolas, e muitas vezes o prejuízo é pago pelos próprios professores e funcionários. O Executivo tem que tomar vergonha na cara, investir em segurança para coibir esses crimes. Há tempos solicitamos a instalação de câmeras para proteger nossa cidade”.

Vereadora Flávia Bittar

CRÍTICAS E CRÍTICAS
Depois que foi lido no plenário o pedido de cassação do vereador Edson PC, por quebra de decoro parlamentar, o mesmo questionou as críticas ao seu trabalho de fiscalização. “Nossa Administração não aceita que os vereadores realizem seu trabalho, que é fiscalizar. Vou continuar defendendo o povo dessa forma, fiscalizando os atos da Prefeitura. Não entrei na Câmara por interesses particulares, mas sim para defender nossa população”, rebateu.

CONTRATAR CUIDADORES
Sobre o protesto das mães presentes à sessão por causa da falta de cuidadores para crianças especiais, o vereador Sandro Rebecca reiterou a necessidade de contratação de cuidadores e mediadores para ajudar nos cuidados de crianças com deficiência nas escolas municipais. “Em VINHEDO sequer temos mediadores, temos apenas cuidadores, e mesmo assim poucos. É preciso contratar esses profissionais, pois não podemos exigir dos professores que realizem uma função que não é da responsabilidade deles”, disparou.

Renomado artista Adélio Sarro visitou a Câmara de VINHEDO

468 ad