VINHEDO: Após votação disputada, o ‘Natal’ em Vinhedo fica garantido para o comércio

Sessão Extra - Votação Verba Natal_cred_gegeu_maia

Depois de um longo debate durante a 12ª sessão extraordinária realizada ontem, na Câmara de VINHEDO, para liberar a verba de R$ 400 mil destinada à execução do projeto de decoração natalina deste ano, houve uma votação disputada que ficou no empate entre os que votaram a favor do projeto de nº 49/2014, que autoriza o poder Executivo a celebrar convênio com a Associação Comunitária Vinhedense de Educação e Cultura – ACOVEC, e os que foram contra.

A posição contrária ao projeto apresentou uma série de argumentos tentando justificar o voto contra. Criticaram a escolha da Acovec, alegando que deveria ter havido uma licitação para a seleção do responsável pela decoração natalina da cidade, acusaram uma suposta falta de planejamento do Poder Executivo Municipal, falaram que o dinheiro era muito e que iria fazer falta na Saúde do município, que houve um aumento injustificado da verba, que a decoração deveria ser de material reciclado, o que vai acontecer no próximo ano, e até mesmo que a decoração seja de responsabilidade dos comerciantes e não mais da Prefeitura.

SORTEIO DE CARROS

Nesse aspecto de responsabilizar o comércio, pelo menos saiu uma proposta, a do vereador Bacural (PTB), para que se fizesse o sorteio de um carro para o logista que apresentasse a melhor decoração de sua loja e outro carro para o cidadão que melhor decorasse a sua casa. “Com cerca de 80 mil reais estaria resolvido o problema. Por isso voto contra, pois está faltando muita coisa na área da Saúde, a Santa Casa não está funcionando, é muito dinheiro para enfeites de natal”, opina.

VITÓRIA DO NATAL

Na votação final houve empate de seis votos contra o projeto de decoração natalina, e seis votos a favor. E mais uma vez coube ao presidente Rubens Nunes (PR) o ‘voto de minerva’ desempatando a votação a favor da tradicional decoração Natalina de VINHEDO. Dois vereadores se fizeram ausentes, Ana Genezini e Val de Souza, ambos do PTB. Mas Rubens Nunes fez questão de enfatizar que, assim como fez com a ACIVI (Associação Comercial e Industrial de VINHEDO), a administradora da verba para o Natal no ano passado, e que se recusou administrar a decoração este ano, irá cobrar da ACOVEC a apresentação detalhada do emprego da verba utilizada em toda a decoração da cidade.

Mais uma vez Rubens Nunes foi decisivo na Câmara

Mais uma vez Rubens Nunes foi decisivo na Câmara

 

468 ad