VINHEDO: Capitão da PM reforça importância da adesão ao Sistema Detecta em reunião do Conseg

Na última reunião do Conseg de VINHEDO (Conselho de Segurança Comunitário), realizada no residencial Jardim Paulista, a comandante da Polícia Militar (PM) da região, a Capitão Lucimara G. Vilas Boas, destacou a importância da adesão dos condomínios e empresas em geral ao sistema Detecta. “As forças policiais tem estrutura, viaturas, comunicação, policiais treinados etc…, mas a cidade vem crescendo em número de habitantes e frota de veículos e é preciso usar a tecnologia como aliada no combate a criminalidade e o Detecta representa esse avanço”, afirma a Capitã Lucimara.

Capitão da PM, Lucimara G. Vilas Boas

Proteção

O Detecta é um sistema integrado com todas as forças policiais que monitora a circulação de veículos  através de câmeras, atrelado ao maior banco de dados de informações policiais da América Latina, formado pelos sistemas do banco de dados das polícias civil e militar, do Registro de Ocorrências, do Instituto de Indentificação, Sistema Operacional da PM, Sistema de fotos criminais, e dados de veículos e carteira nacional de habilitação do Detran.

Mais fácil

A Capitã Lucimara adiantou também que o Sistema Detecta tem uma nova cartilha com as informações necessárias para se integrar ao sistema. O documento necessário, para dar continuidade na adesão, é o Certificado de Regularidade de Cadastro de Entidade, CRCE, fornecido após a empresa ou condomínio ter feito sua inscrição no Certificado de Entidade Estadual, CEE. Este documento, o CEE, por sua vez, se dá por intermédio do preenchimento dos formulários, contidos no Manual de Entidades, no site da Receita Estadual. Não gera custos de adesão e permite que a associação firme convênios com o Estado. O Manual de Entidades traz um número de telefone 0800, para tirar eventuais dúvidas.

Na sequência, a Secretaria da Fazenda do Estado, acompanhada da polícia Militar, realiza uma visita a associação, para verificar a veracidade das informações prestadas e, em seguida, fornece o CRCE. Após a obtenção do CRCE, a associação deverá enviar um ofício à Secretaria de Segurança do Estado, solicitando sua inclusão no Sistema DETECTA.

Quem saiu na dianteira para a instalação de câmeras foi o Residencial Jardim Paulista. As câmeras desse residencial servirão para observar o fluxo nas suas imediações, no caso, a Av. Edenor João Tasca.

Participação da ACIVI

Presente ao evento, o presidente da ACIVI (Associação Comercial e Industrial de VINHEDO) Flamarion Polga, colocou a entidade à disposição para ajudar no processo, obtendo toda a documentação necessária para que os residenciais ou empresas interessadas possam participar do Detecta. Na prática, a ACIVI obteria toda a documentação e seria o guarda-chuva, digamos assim, que possibilitaria o acesso mais rápido dos residenciais ou empresas ao Detecta. .     

Viaturas nos residenciais

Um outro assunto que volta e meia está nas perguntas dos presentes nas reuniões do Conseg é o acesso de viaturas nos residenciais. A questão levantada foi sobre a necessidade de identificação de policiais nas viaturas antes do acesso  aos residenciais.

Presente ao evento, o  investigador Francisco André da Silva Pereira, representando a Polícia Civil, destacou que a identificação do policial é a própria viatura e não há necessidade de identificação de cada um dos integrantes do veículo.

Tal postura foi endossada pelo presidente do Conseg de Vinhedo, Ricardo Guidi, que ressaltou a importância da presença constante das viaturas nos residenciais.   

Participaram também da reunião do Conseg o Inspetor Elias, da Guarda Municipal, o vice-presidente do Conseg e representante da OAB 116ª Sessão de VINHEDO Daniel Neubauer;  Roberto Thomaz e Tadeu Fernando Del Porto Junior, ambos diretores do Conseg, além de representantes da comunidade por meio do Núcleo de Açao Local (NAL) do Conseg, caso de Daniela Ienne, Émerson Rogério, Edna Aparecida Souza, Anselmo M.N. de Souza, Virginia Albonell, Ricardo Giubilato (NAL Panorama);  Tadeu Fernando Del Porto (Nal Morada da Lua); Evandro Rufino (NAL Vila Galo); e Alberto Fujihara (Nal Aquário).

A próxima reunião do Conseg de VINHEDO será dia 25 de novembro, a princípio no Centro de Convivência, no Centro de VINHEDO, com início às 19h45, com possibilidade de alteração de local.

(Texto: Claudemir Cruz – Comunicação do Conseg VINHEDO)

Autor: Geraldo Maia 62

Compartilhe esta notícia no
468 ad